(51) 99600-2233   |      contato@endocrinologistamilene.med.br   |   

  • slider_5

    slider_5

  • r_george_bray

    r_george_bray

  • r_Jose_Scherman_obesidade

    r_Jose_Scherman_obesidade

ARTIGOS

  • Existe um limite seguro para consumo de álcool?
    Há uma clara relação entre o aumento no risco de complicações no curto e longo prazo de acordo com a quantidade e a frequência do consumo de bebidas a...
    Dia Mundial da Obesidade
    Obesidade é uma doença complexa com forte componente genético (40 a 70%) e grande tendência à recidiva.Atualmente, acomete cerca de 800 milhões de ind...

DICA DA SEMANA

  • A maioria das fraturas ocorre em homens e mulheres com osteopenia ou baixa massa óssea. Abaixo, os principais fatores de risco para fratura, independente da massa óssea: 1. Idade avançada; 2. Fratura prévia com trauma mínimo; 3. Terapia crônica com corticoide; 4. Baixo peso (abaixo de 58 kg); 5. História familiar de fratura de quadril; 6. Tabagismo; 7. Consumo excessivo de bebidas alcoólicas.
  • Ecografia de tireoide não avalia a funcionalidade da glândula, não sendo, portanto, útil para avaliação de pacientes referindo sintomas compatíveis com hiper ou hipotireoidismo. Nestes casos, um TSH é suficiente na grande maioria dos casos! A ecografia de tireoide deve ser realizada de forma bastante criteriosa tendo em vista todo impacto negativo quando mal solicitada!
  • Estudos observacionais têm demonstrado menor risco de diabetes tipo 2 em indivíduos que ingerem regularmente 4 ou mais xícaras de café por dia em relação àqueles que ingerem menos do que 2 xícaras por dia!
  • Indivíduos com parentes de primeiro grau com diabetes tipo 2 apresentam um risco duas a três vezes maior de desenvolver diabetes comparados àqueles sem história familiar da doença. O risco chega a ser 5 a 6 vezes maior naqueles com história familiar materna e paterna!
  • Você sabia que dormir bem é importante para a manutenção de um peso saudável? Dormir poucas horas por dia (menos do que 6 horas) está associado ao aumento da fome e a maior vontade por alimentos ricos em gorduras e açúcares!
  • Atividade física representa a principal ferramenta que pode ser usada para manutenção do gasto calórico após a perda de peso!
  • Para mulheres com perda de massa óssea (osteopenia ou osteoporose), exercícios com algum impacto (caminhada, corrida), força ou resistência progressiva (musculação, pilates), cerca de 30 minutos, 3 vezes por semana, melhoram a massa óssea, reduzem o risco de quedas e fraturas!
  • Perder peso rapidamente não aumenta o risco de reganho rápido! O que define a recuperação do peso não é a velocidade de perda mas sim a adesão no longo prazo!
  • O consumo de creatina tem se mostrado efetivo na melhora do desempenho esportivo, principalmente em modalidades de curta duração, alta intensidade e períodos curtos de recuperação.  A suplementação parece mais efetiva entre indivíduos com níveis iniciais baixos deste composto nos músculos, como vegetarianos e idosos. 
  • Você sabia que o consumo regular de 2 a 3 xícaras de café passado por dia deve ser encorajado em pacientes em risco de ou já com doença hepática instalada!! O café tem efeito hepato-protetor, reduzindo inflamação, fibrose e mesmo câncer de fígado em pacientes com doença hepática gordurosa! 
  • Não rotule os alimentos em "proibidos" versus "permitidos"! Ao rotular os alimentos você terá mais dificuldade no controle da alimentação. Quando comemos algo que consideramos “proibido” temos a tendência de comer de forma transtornada, sem controle e em excesso, uma vez que aquele alimento, por ser considerado proibido, nunca mais poderá ser ingerido!! Por isso, essa categorização em apenas 2 extremos, alimento bom ou ruim, de nada contribui para uma relação saudável com a comida! Entenda que simplesmente alguns alimentos você poderá comer mais e outros, menos! O segredo está em encontrar o equilíbrio!
  • Você sabia que, entre as mudanças no estilo de vida capazes de reduzir a pressão arterial, a perda de peso é a intervenção com maior impacto? Para cada 10 kg de peso perdido, a pressão arterial sistólica pode reduzir entre 5 a 20 mmHg!
  • Para indivíduos com excesso de peso, a medida da circunferência da cintura pode fornecer uma informação adicional do risco cardiometabólico. Indivíduos com aumento da circunferência abdominal (obesidade abdominal ou visceral) estão em maior risco de doença arterial coronariana, diabetes, hipertensão arterial, dislipidemia e doença gordurosa do fígado não alcoólica. 
  • Se você está com dificuldade em perder peso, preste atenção se o consumo de álcool não está lhe atrapalhando! O consumo de bebidas alcoólicas pode ser um fator limitante na perda de peso, especialmente entre as mulheres. Para se ter uma ideia, cada grama de álcool contém 7 kcal, uma quantidade quase duas vezes maior quando comparada ao carboidrato (4 kcal)! Traduzindo em números, 350 ml de cerveja (equivalente a uma latinha) contém aproximadamente 150 calorias e uma taça de vinho (150 ml), 130 calorias. A depender da quantidade consumida e da frequência, esse acréscimo de calorias pode fazer a diferença para aqueles que estão em um tratamento para controle do peso!
  • A melhor dieta é aquela que você consegue manter!
  • A exposição repetida a uma variedade de sabores é necessária para a aceitação de novos alimentos, especialmente entre os 2 a 5 anos de idade, fase do desenvolvimento em que a criança adquire maior autonomia sobre as suas escolhas. Estima-se que o mesmo alimento precisa ser oferecido entre 12 a 15 vezes, sob diferentes preparos e combinações, para que a criança comece a aceitá-lo em sua alimentação!
  • SuperCoffee ou café termogênico, basicamente corresponde ao café com adição de gordura. Trata-se de mais um modismo com ausência de quaisquer evidências científicas que justifiquem seu uso com o objetivo de melhora do desempenho físico ou com efeitos sobre o emagrecimento!
  • Pacientes com diabetes tipo 2 apresentam um risco até 3 vezes maior de fraturas em relação àqueles sem a doença.  Por isso, o acompanhamento com o médico endocrinologista para controle dos principais fatores de risco, incluindo manejo da glicemia, avaliação das necessidades de cálcio e vitamina D, além da escolha da melhor abordagem terapêutica para tratamento da osteoporose é fundamental!
  • Embora a cirurgia bariátrica seja a intervenção mais efetiva no longo prazo para o tratamento de pacientes com obesidade grau 3 (IMC ≥ 40 kg/m²), com uma perda média de 56% do excesso de peso em 10 anos, aproximadamente 25 a 35% dos pacientes não perdem o mínimo esperado ou recuperam parte do peso após a cirurgia. Dentre os principais fatores implicados nesta recuperação do peso é a não adesão a uma alimentação equilibrada e saudável, além do consumo de bebidas açucaradas e álcool!
  • Mulheres com história de diabetes gestacional apresentam um risco quase 10 vezes maior de desenvolver diabetes tipo 2 nos cinco anos após o parto! Portanto, se você teve diabetes gestacional, procure ajuda profissional para controlar os fatores de risco que a colocam em maior risco de desenvolver o diabetes tipo 2, tais como controle do peso, reeducação alimentar e prática regular de atividade física!
  • O sal do Himalaia é considerado um sal integral pois não é submetido ao processo de refino, nem apresenta adição de iodo. No Brasil, a adição do iodo ao sal é obrigatória desde a década de 70 para evitar doenças na tireoide, como o bócio. Por isso, todos os sais produzidos no Brasil contêm iodo, o que nem sempre ocorre com os sais gourmets importados, tais como o sal do Himalaia.
  • Entenda que não existem alimentos “permitidos” e alimentos “proibidos”. Simplesmente alguns alimentos você poderá comer mais e outros, menos! O segredo está em encontrar o equilíbrio!
  • Para aquisição de um novo hábito é necessário a repetição constante de um comportamento e nem sempre você estará motivado para isso, por isso precisa aprender a ter disciplina! Os resultados aparecem quando se tem constância e, para manter a constância, você precisa de disciplina muito mais do que de motivação!
  • Ter disciplina é conseguir obedecer a si mesmo, executando as tarefas a que você se propôs sem se utilizar de desculpas, mesmo que elas sejam verdadeiras. Comece agora! A motivação vem depois! ;-)
  • Quando comemos sentado, devagar e prestando atenção você: - terá mais consciência do quanto está comendo realmente - desfrutará mais daquilo que está comendo, ao perceber melhor o sabor e a textura dos alimentos - terá mais satisfação visual ao ver a comida toda arrumada no prato - terá mais satisfação física, uma vez que comer devagar faz com que o cérebro emita sinais de saciedade antes que você coma em excesso!
  • A água com gás contém mais sódio? MITO. O processo de gaseificação da água não contempla a adição de sódio. A quantidade de sódio varia de acordo com as diferentes marcas de água mineral. Conforme dados divulgados pela Associação Brasileira de Indústria de Água Mineral (ABINAM), o teor de sódio entre as 13 marcas analisadas variou de 6 a 100 mg/L, sendo essa variação dependente de caraterísticas do solo e da profundidade do aquífero de onde a água é extraída. E, antes que surjam preocupações excessivas, considerando a marca com maior teor de sódio, o consumo de uma garrafa de 500 ml corresponde a apenas 2% das necessidades diárias deste mineral!
  • Você sabia que a adoção da dieta mediterrânea, que consiste no consumo regular de frutas e vegetais, grãos, carboidratos integrais, oleaginosas, azeite de oliva e peixe tem mostrado efeito protetor contra todos os estágios da doença hepática gordurosa não alcoólica, incluindo redução do risco de cirrose e câncer de fígado?
  • Pacientes que não consomem laticínios e derivados deveriam aumentar seu aporte de cálcio de outros alimentos. Quando a ingestão encontra-se insuficiente de acordo com a faixa etária, a suplementação de cálcio faz-se necessária.
  • O consumo regular de 2 a 3 xícaras de café passado por dia deve ser encorajado em pacientes em risco de ou já com doença hepática instalada pelo seu benefício comprovado em redução da inflamação, fibrose e menor risco de câncer de fígado!!
  • Você sabia que uma dieta rica em potássio pode acarretar uma diminuição de aproximadamente 5 mmHg na pressão sistólica e 3 mmHg na diastólica? E esse efeito hipotensor pode ser potencializado quando ocorre uma redução simultânea da ingestão de sódio, que idealmente deve ficar em 5 gramas de sal por dia (ou 2 gramas de sódio).
  • Água com gás hidrata tanto quanto a sem gás? VERDADE. De acordo com um estudo realizado para avaliar o poder de hidratação de diferentes bebidas, o consumo de água com ou sem gás produziu o mesmo grau de hidratação quando ingeridas nas mesmas quantidades.
  • Você sabia que a gordura visceral ou abdominal está intimamente relacionada às complicações metabólicas associadas ao excesso de peso, tais como  doenças cardiovasculares, diabetes tipo 2, hipertensão e síndrome metabólica?  E esse tipo de gordura muito bem à prática regular de exercícios! Uma perda de 5% do peso através de dieta reduz a gordura visceral em 13%, enquanto com exercício a perda alcança 21%!  
  • Nesse final de ano, cuide com ingestão de bebidas alcoólicas! Não significa que você não possa beber nessa época. Simplesmente tente controlar a quantidade ingerida, intercalando a bebida com água. Planeje antecipadamente o quanto irá beber. Evite que sirvam enquanto o copo ainda não está vazio. Evite também coquetéis doces, preparados com açúcar, pois contêm uma quantidade grande de calorias sem dar saciedade. Além disso, quanto maior a ingestão de bebida alcoólica, maior a chance de exagerar no que você come. 
  • “A genética carrega a arma. O ambiente aperta o gatilho!” George Bray  Apesar de ter um componente genético para o seu surgimento, o gatilho da obesidade está no ambiente! Isso significa que o meio em que vivemos influencia, em muito, as nossas escolhas e hábitos de vida! Aproveite esse momento do ano mais reflexivo para repensar as suas prioridades e escolhas! Como você se vê em 20 anos? 
  • Qual a melhor estratégia para reduzir a gordura visceral?  Indivíduos que realizam dieta mais atividade física perdem gordura visceral numa maior proporção em relação àqueles que fazem apenas dieta.    
  • Indivíduos com obesidade estão em maior risco de desenvolver asma, assim como a asma pode predispor à obesidade e a obesidade pode piorar o curso clínico da asma.A maioria dos estudos sugere que o desenvolvimento de obesidade em indivíduos com diagnóstico prévio de asma modifica a evolução da doença, aumentando a gravidade da mesma e reduzindo a resposta ao tratamento.A boa notícia é que uma perda modesta de 5 a 10% do peso corporal é suficiente para induzir melhora significativa dos sintomas e da qualidade de vida dos pacientes com asma.
  • Você sabia que a maioria das mulheres com diagnóstico de diabetes gestacional consegue controlar a glicemia apenas cuidando da alimentação e realizando exercícios regularmente?    
  • Por que ocorrem variações do peso ao longo do dia? Essas oscilações podem variar de 1 a 2 kg entre o peso da manhã e o da noite. Desde ingestão de água, alimentos, bexiga cheia, intestino preso, são alguns dos fatores que influenciam no peso. Por isso, o ideal é pesar-se sempre pela manhã, em jejum, sem roupas e após ir ao banheiro. Esse peso é mais estável e confiável!
  • O uso de biotina em fórmulas para melhorar o cabelo, a pele e as unhas tem sido cada vez mais comum. A biotina é uma vitamina do complexo B, também conhecida como vitamina B7, que, quando em alta concentração, pode interferir na dosagem de diversos hormônios, incluindo aqueles que avaliam o funcionamento da tireoide. Por isso,  converse com o seu endocrinologista antes de realizar qualquer avaliação hormonal!
  • Você sabia que a nossa massa muscular começa a diminuir após a 4ª década de vida? Estima-se que, após os 50 anos, esta perda é, em média, de 1 a 2% ao ano!Por isso, como medida preventiva, a prática regular de exercícios, além dos cuidados com a alimentação, deve começar o quanto antes, preferencialmente na juventude!
  • "A constância é mais importante do que a perfeição!" Não fique esperando as condições perfeitas para mudar. Comece devagar, incorporando novos hábitos gradualmente. Mudanças radicais não são sustentáveis no longo prazo! Nos momentos livres aprenda a preparar uma refeição mais saudável e crie gosto por isso. Procure uma atividade física prazerosa e não uma que tenhas que fazer para "atingir metas". As mudanças precisam ser mantidas no longo prazo para manutenção dos resultados. Por isso, estabeleça metas factíveis de serem alcançadas com aumentos graduais conforme a sua evolução! O importante é mover-se em direção aos resultados HOJE! Pequenos passos diários nos conduzem a lindas jornadas!.! 
  • Invariavelmente todo indivíduo em um processo de reeducação alimentar acaba "escorregando". Importante compreender que não existe uma escorregada isolada que possa arruinar o seu progresso geral. Sair dos trilhos eventualmente faz parte do processo de mudança de hábitos. Um lapso (escorregada) não caracteriza um padrão! Entretanto, se você perceber uma série deles e um retorno progressivo aos velhos hábitos é hora de tomar providências!Tente fazer uma lista de pistas que mostrem haver algo mais que apenas uma escorregada. As pistas podem incluir, por exemplo, um ganho de peso superior a 2 kg, mais de uma semana sem se exercitar, roupas apertando novamente ou o retorno de um velho hábito que tenha sido difícil de superar
  • Concentre-se nas suas conquistas diárias durante o processo de emagrecimento pois isso lhe ajudará a manter a motivação, tão necessária para a aquisição de um novo hábito!!
  • Quanto tempo de atividade física devo realizar por dia? A recomendação oficial para manutenção da saúde é a realização de pelo menos 30 minutos na maioria dos dias da semana. Além disso, ficar parado por longos períodos de tempo no dia pode anular os efeitos positivos de 30 minutos de exercício. A inatividade prolongada está ligada à obesidade e ao diabetes, mesmo em pessoas ativas durante parte do dia!
  • Entre 9 aos 12 anos, toda criança deve ter seu colesterol avaliado!! Aquelas com história familiar (pais ou avós com histórico de problemas cardíacos ou de colesterol elevado), devem realizar uma avaliação mais precocemente, entre os 2 aos 8 anos de idade!
  • Para quem está em um programa de emagrecimento, ter uma balança de cozinha lhe ajudará a ter uma noção do tamanho das porções e a não exagerar!! 
  • Conforme a OMS, recomenda-se o consumo de cerca de 600 gramas de frutas e vegetais ao dia, idealmente metade de cada. Prefira, sempre que possível, a fruta in natura ao suco ou prefira sucos de frutas com menor teor de carboidrato, tais como limão, maracujá, acerola, morango.   
  • Dentre os fatores de risco modificáveis para controle da pressão arterial (alimentação, redução do sódio, exercícios, consumo moderado de álcool e perda de peso), o emagrecimento é o que apresenta maior influência sobre a redução da pressão arterial. Para cada redução de 5% no peso, existe uma redução de 20 a 30% na pressão arterial!!!
  • Moderação no consumo de álcool significa ingestão de, no máximo, 1 dose para mulheres e 2 doses para homens. 1 dose = 14 gramas de álcool, o que é encontrado em 350 ml de cerveja (5% álcool), 150 ml de vinho (12% álcool) ou 45 ml de destilados (40% álcool)   
  • COMER com CULPA não é SAUDÁVEL! Comer nos dá prazer!! Essa compreensão torna a alimentação mais leve e saudável!

DEPOIMENTOS

  • RS, 56 anos
    Atendimento irretocável, profissional, direto, objetivo sem deixar de ser humano. Desde a recepção.
  • GP, 39 anos, procedente de POA
    Bom dia dra Milene!Consegui participar do torneio de iniciantes no tênis esse final desemana e ganhei o troféu de vice-campeã! Compartilho esse prêmio contigo, em agradecimento ao incentivo de sempre!
  • JP, 42 anos
    Boa tarde Dra Milene, Não tenho palavras para descrever a consulta, só posso dizer que foi maravilhosa, amei demais, a sua comunicação e didática! Perfeita!
  • EC, 26 anos
    Dra Milene, Fiz um breve tratamento contigo em 2018 que precisou ser interrompido porque me mudei para São Paulo. Desde lá consegui manter a perda de peso e ressignificar muitas práticas nesse período. Amei o teu profissionalismo, empatia e entendi que existiam caminhos possíveis e não milagrosos contigo.     
  • ML, feminina, 57 anos, procedente de Torres
    Dra Milene, Adoramos a nossa consulta!!! Tu és uma excelente médica!

DESCUBRA SEU IMC

Documento sem título

Seu peso (kg):

Sua altura (em centímetros)


Seu Índice de Massa Corporal

Você possui:

BIOIMPEDÂNCIA

  A avaliação da composição corporal por bioimpedância ocorre por meio da diferença da resistência à passagem da corrrente elétrica pelo músculo e pela gordura que fornecerá uma estimativa da gordura e da massa muscular nos quatro membros e no tronco.

Formulário de Contato

Entrada Inválida

Entrada Inválida

Entrada Inválida

Entrada Inválida

Entrada Inválida

  R. Dona Laura, 333/ 906, Moinhos de Vento - Porto Alegre/ RS  |     (51) 99600-2233  |    contato@endocrinologistamilene.med.br

© 2021 Dra. Milene Moehlecke. Desenvolvido por Informatiza Soluções Empresariais em parceria com a Agência Digital Public